Wednesday, September 23, 2009

Em relação ao post abaixo...

Não sou do tipo de pessoa que costuma receber comentários e ripostar naquilo que as pessoas dizem. Geralmente os comentários são educados e cada um é como cada qual, todos temos diferentes opiniões. Outra coisa é chamarem-me de paranóica. Ora isso é que não pode ser. Só porque estou a dar a minha opinião, seja lá sobre que assunto for, não me podem chamar nomes ou dar-me apelidos os quais eu repudio de todas as maneiras e feitios, porque, apesar de ter um feitiozinho de rainha, não me lembro de alguma vez ter levantado a grimpa fosse com que fosse, mediante as opiniões gerais que essas pessoas pudessem ter. Quando falo da gripe A, posso também falar da gripe sazonal ou do raio que a parta. O que acontece é que esta estirpe é a mais recente e, pelo que vejo, há casos e casos de doentes. Existem aqueles que tomam Tamiflu e passados dias ficam bem, e há aqueles cujos organismos ficam extremamente mais debilitados e, como tal, tendem a sofrer com mais facilidade uma insuficiência geral, podendo levar à morte. Aquilo que eu acho estranho é o virus em si atacar a população jovem-adulta. Não falo nem de crianças ou idosos (em países desenvolvidos). Portanto, desculpem lá se este assunto é deveras aborrecido ou se pura e simplesmente acham que nem sequer o deveria mencionar. Para as almas que acham que eu sou paranóica, fica o registo: se o fosse já há muito que não saía de casa e não andaria de transportes públicos, como o faço. Da mesma forma que afirmo que não tomo, nunca tomei e dúvido que algum dia irei levar a vacina contra a gripe NORMAL. Quando muito faço o tratamento oral que já há anos o meu MÉDICO DE FAMÍLIA aconselha: BroncoVaxon; embalagem de 30 capsulas, dividas em 10 por casa mês, ou seja, 10 em Outubro, 10 em Novembro e 10 em Dezembro. Portanto, não, não estou paranóica, penso em ir votar CDS no próximo Domingo e, lamento imenso, mas não admito que me chamem disto ou daquilo só porque expresso a minha opinião. Um dia destes penso realmente que acordei nos anos 50 ou 60, durante o Estado Novo. Felizes? Não, pois não? Pois olhem, eu é que também não, porque tenho assuntos muito mais importantes com que lidar do que com meninos e meninas que vêm para aí atirar-me com postas de pescada.

1 comment:

Pi said...

E mái nada!!! Quem fala assim não é gago. Estás no teu blog, dizes o que bem te apetecer e der na real gana, e só têm que respeitar.

Podem não concordar, que podem, agora o respeito esse é sempre exigido.

E gosto muito desse teu feitiozinho, pode ser lixado, mas que te dá personalidade dá!!! =D


Beijinho Gde*