Posts

Showing posts from March, 2018

As vantagens de (às vezes) ser-se invisível.

Image
Image
Para mim, o dia de 8 de Março é uma faca de dois gumes, um presente envenenado, envolto numa cobertura deliciosa de apreço e respeito pela Mulher, mas que quando se trinca, sabe logo a fel, tal é a hipocrisia com que é feito.  O problema do 8 de Março não é ser o Dia Internacional da Mulher. O problema é que ao ser um dia para falar de um género, acaba-se por cometer muitos excessos de preferência, de críticas, de análises sociológico-políticas sobre o estatuto, sobre os direitos, sobre aquilo que uma Mulher é ou deixa de ser, só porque outros e outras assim o decidem. O dia deveria servir para recordar aquelas, bravas, que fizeram frente às comunidades onde estavam inseridas e, dentro das quais morreram ou foram mortas. O dia deveria servir para comemorar essa bravura, essa Vida, que permitiu que outras, agora, tenham a hipótese de ter uma Voz. O problema é a forma como essa Voz é colocada e a mensagem que é transmitida.  É imperioso perceber que em quase 20 anos de existência de intern…