Thursday, December 31, 2015

2015/2016

Não, não me irei queixar. Tive alguns dias para rever em perspectiva um ano que voou, literalmente das minhas mãos. Uma ampulheta errática que transformou 12 meses em um único mês. Porque eu lembro-me de estar a chorar Adeus a um amor há precisamente um ano atrás e possivelmente hoje estar a chorar Adeus a outro. 

Mas há uma diferença: Cresci ainda mais. Durante 2015 vi-me em situações caricatas, a conhecer pessoas que de todo não estava à espera, a fazer novos amigos no meio de tudo. A defender ideias e a marcar passos diferentes no rumo da minha vida.

Principalmente AMEI E FUI AMADA, ainda que durante pouco tempo. E honestamente, acho que de tudo, isso foi o mais importante para mim. Fora as discussões, as ansiedades, as mágoas, os erros, enquanto durou, na fracção de segundo que durou, felizmente durante a altura do ano que mais adoro, o Verão, e na cidade que Amo, Lisboa, amei e fui amada. 

Viajei, trabalhei, tive saúde. (Viajo, trabalho e tenho saúde!) PORRA, ESTOU VIVA, VIVI E VOU VIVER MUITO MAIS. 

Portanto agradeço a TODOS (que sabem quem são) os que entraram e ficarão para sempre impressos em mim, o simples facto de terem aparecido. Aprendi muito com vocês e só posso estar grata por isso. 

Que 2016 seja apenas um ano para ser simplesmente Vivido. 

18 Dezembro 2015 - CPS

No comments: