Tuesday, August 12, 2014

Veio e foi...

Rápidas que só eu para ter dado conta da sua passagem. Férias de Verão. Nem pouco mais ou menos tão inesperadas como as de há um ano. Geralmente tenta-se sempre mais, mas desta vez o tiro saiu passou ao lado. O local fantástico. Bom tempo, sol, calor, muitas caminhadas, fotos, comidinha, mas o resto foi mais complicado de transpôr, mesmo com muito boa vontade das pessoas. Quando a mente não pára um segundo, resta o corpo para ser consumido em estrago rapidamente. Acordando cedo para a cabeça não pregar partidas, para aproveitar todas (ou mais) horas do dia. Soube-me a pouco, é certo. Mas isso calha a toda a gente. A forma como são vividas é que marca a diferença. E eu tentei, apesar de tudo o resto, de todas as complicações e problemas que por vezes vêm ter connosco porque tem mesmo de assim ser, aproveitar o melhor que soube. Se calhar não fui tanto a tempo como gostaria, mas assim já sei com o que posso contar no futuro. 
Alegrem-se as almas. Estas foram as "férias de Verão", dos balanços e das preces e desejos para o "novo ano". Dos melhores Amigos. 
Em Setembro diz que há mais uns dias, e assim vai até Janeiro. Aos pedacinhos para restabelecer baterias.