Thursday, March 21, 2013

E a ti, o que te faz viajar no tempo?

A Anita tem razão quando comenta que a nossa profissão é mesmo boa. Não só nos permite viajar (a sério), como também nos permite (viajar) no campo imaginativo. Ora bem, ultimamente e dentro de um espaço de trabalho de 8 horas, por vezes chegando a 9 ou 10 (raramente este último pelos dias que correm), eu consigo estar no Brasil, dar uma saltada a África (margem oeste e leste) e ainda dou uma passadinha pelo sul de Portugal. Como é que tenho capacidade para absorver tanta informação? Simples: limpeza de memória. Esqueci-me da maioria das letras de canções que lá estavam guardadas e que cada vez menos vão fazendo falta, que a vida não está para cantorias, e simplesmente não guardo os nomes das personagens mil das série de TV. Claro que existem outras coisas que poderia referir, mas estas, que são as que mais me vêm à ideia - porque às vezes quero lembrar-me do nome de personagem X e não me ocorre, ou porque estou a cantarolar The Corrs (meus amigos.. THE CORRS!!! VOCES NÃO ESTÃO BEM A VER A CENA!) e NÃO ME OCORRE NADA! O que é grave, porque simplesmente ouvi-os até à exaustão e cantei-os até ter enjoado. Fora isso, farto-me de viajar. Ahh sim, aquele anúncio da ZON, o que te faz viajar? A minha resposta é: uiii, trabalho. Se me aparecem 100 projectos à frente, farto-me de viajar, por todo o mundo.

1 comment:

Anita said...

Somos umas privilegiadas! :)
Pois eu cá não me esqueço das letras das músicas (dewscobri recentemente que me lembro MUITO BEM das letras da Nana Mouskouri e do Bicho, sim, esse mesmo. É muito triste, eu sei) enm do nomes das personagens das séries (do antigamente, que agora não tenho tempo para ver nenhuma...), mas esqueço-me CONSTANTEMENTE da minha idade. Não fossem os cabelos brancos que começam a aparecer (5 mulher, 5! mas já arranquei 2!) julgava que tinha 20 anos ;)