Saturday, October 15, 2011

Das manifes e dos protestos..

Não percebo qual a indignação (principalmente a da comunicação social) sobre os motins que se geraram durante as manifestações do dia de hoje, 15 Outubro, na Itália. Honestamente não sei porque motivo acham que estes protestos devem continuar a ser pacíficos, uma espécie de passeatas para mais novos e mais velhos em belas tardes de Verão tardio. Acima de tudo, também, em Portugal. Alguém atirou um ovo à escadaria da Assembleia da República e logo de seguida leva com a carga policial. Um ovo... um OVO! Pá... por algum motivo não participei na caminhada "de Paz" de hoje. É que quem me conhece, quem me tem acompanhado nos últimos meses e mais ainda nos últimos dois dias, sabe que se eu tivesse ido não seriam ovos para uma escadaria. Seriam pedras a carros, polícias, gente que eu visse que estava a gozar. Lamento... não estamos em situação política para ficarmos quietos e caladas e parados. Temos de demonstrar o nosso descontentamento de forma mais violenta, é uma necessidade, é algo a que temos direito quando nos estão a matar aos poucos, quando épocas de má governação nos levaram a vergar perante uma França e uma Alemanha que não têm qualquer moral para falarem muito alto, para darem ordens seja a quem for. É um direito quando alguém condena 10 milhões de portugueses a uma vida de caos e incerteza. E isto, estas medidas, por muito más que sejam, por muito duras, eram obrigatórias, eram precisas... porque alguém antes deixou o país na miséria e agora, anda a passear por Paris, afirmando estar a estudar Filosofia... Uma vergonha... uma vergonha. E ainda querem o Povo manso! NUNCA! Cada vez será PIOR!

No comments: