Thursday, February 10, 2011

FMI e Portugal

A dívida portuguesa não pára de aumentar e só vejo os comentadores políticos a dizerem que não é com falinhas mansas de propaganda que a mesma vai diminuir. Sabemos de antemão que a mesma só diminuirá quando Portugal decidir deixar entrar e avançar o FMI. O Fundo Monetário Internacional já cá esteve por duas vezes e, realmente o país não foi ao fundo e todos os portugueses sobreviveram. Mas os tempos eram outros, a moeda era outra (era nossa, não era única para toda a CEE - naquela altura chamava-se CEE), era tudo relativamente mais simples. Agora eu pergunto a esses comentadores (os quais não irão sentir os efeitos da crises nos seus bolsos ou orçamentos familiares) o que acham que deve ser a solução. É que se não apresentam soluções depois de dizerem aquilo que me parece óbvio, o melhor é estarem calados.

No comments: