Posts

Showing posts from April, 2007

Isto é aquilo a que chamo de Tolerância religiosa...

O padre da física quântica sobre criacionismo e evolucionismo [da entrevista de ontem na Pública, de António Marujo, ao padre João Resina, físico]«P. - Como avalia que, entre cristãos, se defenda o criacionismo por oposição ao evolucionismo?R. – A maluqueira é livre e uma das grandes tensões do ser humano – que é uma razão de segurança – é agarrarmo-nos a teses de conservação. Em todos os momentos de crise, crescem os movimentos de direita: na Igreja, nunca os seminaristas foram tão conservadores como de há 20 anos para cá.Num momento de crise, toda a gente se agarra ao que parece ter segurança. E uma das seguranças é ter um texto que diz tudo. Tem-se dito que a coisa mais parecida com a Igreja Católica foi o marxismo soviético: tinha uma doutrina intangível, que explicava tudo; tinha um magistério e as pessoas sabiam que, se se dedicassem, era para a salvação dos irmãos. Mas também há uma grande loucura. Quando se faz isso nas igrejas católicas e protestantes e no islão, é a mesma l…

OH-MY-GOD!

É mesmo para ser lido OH-MEU-DEUS!! (cá estou de novo a ferir susceptibilidades em escrever o nome de Deus em vão) e não: Oh, Meu Deus!, como se nada fosse... Resumindo estou a entrar na famosa fase bi-anual, Harry Potter filme+livro novo. Sabendo em primeira mão que os livros desta saga de 7 (número mágico), são uma merda, não devo porém esquecer, que fui das primeiras a ler em Portugal (segundo oferta de editor- Presença) a Pedra Filosofal, anos luz do boom que a colecção iria provocar, anos luz da senhora JK Rowling se tornar numa das mulheres mais ricas do Mundo. E uma coisa, dessa altura, já lá vão uns bons 10 anos, me ficou para sempre guardada: estes livros não são definitivamente infantis. É impossível alguem em pleno juízo pensar que a história de um rapaz de 11 anos, cujos pais foram cruelmente assassinados (e ele também deveria ter sido), e que passou a sua vida desde então, até aquela data, a viver "de favor" com uns tios que o odeiam e o tratam como serviçal, é …

Cantina Velha I

Prometo (que jurar é muito forte e pode ferir susceptibilidades), que um dia destes coloco por aqui fotografias do estado deplorável a que as casas de banho, cúbiclos incluídos, Femininas, chegam a atingir à hora do almoço. Cheguei com estas visões à conclusão de que as mulheres são porcas e nunca aprenderam a utilizar o famoso piaçá! PORCAS!!!!

14 de Fevereiro- Parte II

Faltava o vídeo.. sabem como é...

NIN

I should have listened to her So hard to keep control We kept on eating but Our bloated belly's still not full She gave us all she had but We went and took some more Can't seem to shut her legs Our mother nature is a whore (chorus:) I got my propaganda I got revisionism I got my violence In hi-def ultra-realism All a part of this great nation I got my fist I got my plan I got survivalism Hypnotic sound of sirens Echoing through the street The cocking of the rifles The marching of the feet You see your world on fire Don't try to act surprised We did just what you told us Lost our faith along the way and found ourselves believing your lies (chorus) All bruised and broken, bleeding She asked to take my hand I turned, just keep on walking But you'd do the same thing in the circumstance I'm sure you'll understand (chorus) You got your pacifism - I got survivalism...

E não pára! Dedicado às series de Verão!

Aqui vai a intro da primeira época da série Baywatch (Marés Vivas)... já nem me lembrava que a música era diferente. Mas as personagens estão bem vivas na memória, todas elas mesmo.. e foi muito bom rever o australiano Peter Phelps, conhecido pela série do AXN, Stingers- Infiltrados. No meio de tanta gente, só dois se mantiveram: David Hasselhof e Michael Newman (Newman na série, o único nadador salvador "a sério" que também era protagonista). A juntar à festa, também adicionei a intro da 2ª epoca de Baywatch. As diferenças: alguns dos personagens saíram, e entrou Jeremy Jackson no papel de Hobie. A canção do genérico foi modificada e ficou para sempre...

Como 'tou numa de 80's...

fiquem com estas pérolas que a caixinha mágica nos trouxe!!! AAAhhhh SAUDADE!!!!

Porque é giro, embora muitas pessoas não apreciem..

Não sabem o que é diversão, é o que é!

Mas o que é que os "meus" meninos andam a fazer...

Image
Tendo em conta o nível de educação que o nosso país tem, e o nível cerebral dos portugueses, presumo que os meus amigos Gatitos, estejam numa situação menos amigável. É verdade que somos um país de falar muito e agir pouco, mas com aqueles gajos, nunca se sabe.. o cartaz contudo ficou uma maravilha, mas quiçá se um dia não será a vez dos extremistas da esquerda (algum grupo separatista português que renasça das cinzas), a efectuar uma limpeza ao "cabeças rapadas" que, sabe lá Deus porquê, Portugal também tem. É engraçado.. eles queixam-se dos imigrantes e eu queixo-me deles... A ver bem as coisas, devíamos mandar estes meninos donos de pit bulls e outras raças "puras" de cães, para a construção do prédio, ponte, barragem, túnel mais próximos. Podia ser que gostassem, sei lá! Passem a mensagem ao amigos nacionalistas. Eles irão AMAR! Viva o Iberismo! DN Os Gato Fedorento estão sob ameaça da extrema-direita por causa de cartaz Inês David Bastos/Vasco Neves (imagem) co…

www.APAV.pt

Este fim de semana ocorreu mais uma vez um caso de maus tratos. Este, contudo passou a ser do conhecimento público. Gostava de saber de todos os outros que o não são. Ou seja, aqueles que estão a ocorrer precisamente neste momento. Tanto de homens a baterem em mulheres e vice- versa. Porque não? A violência conjugal passa por ambas as partes, embora seja a mulher o elemento mais fraco neste jogo de quem é o "mais forte" ou de "quem manda lá em casa". Até compreenderia se estivessemos em terras muçulmanas, sendo que mesmo assim, não acreditam que os países do médio oriente tenham o mesmo tipo de comportamento macho latino ressabiado, que os nossos "homens" têm. Se alguém me disser que o caso da jovem estudante de 21 anos a residir em Benfica não pode entrar para as estatísticas nacionais, é tolo. A questão não é a nacionalidade dela, ou do grojesso que a atacou. O que importa é que em Portugal e volto a frisar este assunto (quantas vezes me apetecer), os c…