Friday, November 30, 2007

Anatomia de Grey: Great Expectations (FoxLife, ep. quarta)

Uhn... começando pelo fim, perde-se a piada toda, mas paciência, o episódio já passou mesmo e quem é mesmo fan, mesmo que não o tivesse visto, tinha ido ao site oficial e via. Burke pede Cristina Yang em casamento. Eles continuavam sem se falarem, então ela decide quebrar o "jogo": diz que não errou e portanto que não precisa de perdão por ter feito a coisa certa, dizer ao Chefe de Cirurgia que Burke estava com um problema numa mão. A respota de Burke foi elucidativa: "Marry me, Cristina Yang!". George, ainda em luto pelo pai, arranja uma forma peculiar de não sentir tanto a dor de espírito: vai para a cama (várias vezes) com Callie. O resultado disto é pensar que está apaixonado por ela e pedi-la em casamento também.
No Seattle Grace a luta feroz que é travada, não é tanto pela vida dos pacientes, mas sim, quando se sabe que o Chefe Richard está a ponderar a hipótese de se reformar. Mark Sloan, Addison Montgomery, Derek Sheperd e Burke, todos à roda do corpo que estás a prestes a cair para o lado e dispostos a atacá-lo. Patéticos, really. Apenas Miranda fica chocada, não está a fazer conta de se candidatar ao lugar e parece bastante mais preocupada em abrir uma clínica para pessoas necessitadas de cuidados médicos, mas não têm dinheiro para os adquirir. Izzie aparece então com a ideia mais brilhante que já teve desde que a série começou: utilizar os 8 milhoes de dolares de Denny e abrir junto a Miranda, a Denny Duquete Memorial Clinic (tem piada, mas quem viu ou vê o Sobrenatural, iria jurar que o Denny aparece por lá também, mas morto, à mesma).
Richard toma coragem, e, uma vez que está a pensar em reformar-se, vai à procura de Adele, a esposa, para que esta lhe dê uma nova oportunidade. Não só ela já não lhe dá oportunidade nenhuma, como tem uma nova pessoa e relação na sua vida. O marido é agora ex-marido e pode levar com a porta a fechar-se-lhe na cara.
Addy continua a evitar Karev depois do beijo que lhe deu, ao que ele reage muito mal: "Deves pensar que és muito boa e que todos devem querer alguma coisa contigo. Na realidade o que eu quero é parar de andar atrás do Mark e participar em operações. Pode ser?" Addison responde que sim, e o assunto (presume-se) terá morrido na praia. Derek e Meredith têm a sua primeira (eles dizem primeira, mas depois de ele lhe ter chamado "whore" a toda a força, para mim, esta será a 535ª discussão) discussão. Mer sente-se tão frustrada que pensa que o namoro acabou. Digamos que ela nunca soube ultrapassar brigas caseiras com os namorados e as relações acabavam sempre mal. Mas Derek, ao regressar a casa dela, depois do trabalho, assegura-lhe que não será esta a razão pela qual irá abandonar a sua vida... Diz ele!

No comments: