Thursday, July 12, 2007

Harry Potter e a Ordem da Fénix

Já sei que para muitos que leram o livro, que o sabem de uma ponta à outra, o filme não lhe faz justiça. Mas pensando melhor, reconsiderando e vendo os pós e os contras, temos que admitir que as 2.30 horas passadas no cinema, valeram bem a pena não? Claro que estar na praia é bem melhor e o cinema fica para a noite, mas para quem ainda está em exames, o cinema é à tarde e a noite é para estudar. Admito que fiquei deprimida.. mas atenção; não fiquei deprimida pelo filme estar mal feito, interpretado, realizado, pelos efeitos ou não, fiquei deprimida, porque estamos a entrar numa nova fase da saga. Nunca achei (acho que já referi) que os livros fossem "infanto-juvenis": qual é a infantilidade de uma criança ser vítima de maus tratos ao longo dos 11 primeiros anos de vida, após os pais terem sido brutalmente mortos? (e digo isto genericamente, independentemente de ser realidade ou ficção). De qualquer maneira, é a fase "dark side of the force" que aí vem e que, neste filme, hoje estreado, fica bem comprovado. Há muita coisa que é focada em relação ao mais importante no livro, e se calhar o tal "beijo" demora mais na tela, do que parece na leitura, mas não há duvida que saímos da sala com a sensação de murro no estomago e com uma enorme vontade de dizer a quem realmente queremos bem que os amamos... Porque, tal como é o meu lema (um dos) de vida, e tal como é a conclusão do filme: O mais importante no fim do dia, da batalha, da guerra, de tudo o que nos possa magoar, é a amizade e o Amor... Aprovadíssimo!

No comments: